10 de fev de 2011

Conheça: Devoção, da Novo Conceito

A Editora Novo Conceito está prometendo um ótimo ano para nós, fãs de livros “Jovem Adulto”; mas não se esquecendo de suas raízes está lançando este mês um livro diferente e interessante, chamado Devoção, de Dicky Hoyt e Don Yaeger. Uma história de superação, quebra de limites e amor, é uma dica para quem ainda não é muito fã do gênero. Lembre-se: os livros são transformadores. Vamos conhecer a sinopse:

Nascido com uma tetraplegia espasmódica, Rick Hoyt foi desenganado por vários médicos, que aconselharam seus pais, Judy e Dick Hoyt, a internar seu primogênito em uma clínica. Mas os pais de Rick recusaram-se a tomar essa medida. Determinados a dar ao filho todas as oportunidades oferecidas a uma criança considerada “normal”, incluíam Rick em tudo que faziam, especialmente com os outros dois irmãos, Rob e Russ. 
Mas uma coisa é dentro do seu lar, o vasto mundo é outra coisa. Depois de repetidas recusas por diretores de escola que resistiam às suas tentativas de matricular o garoto, a mãe de Rick trabalhou incansavelmente para fazer passar um projeto de lei, Capítulo 766, a primeira reforma na educação especial no país. Como resultado, Rick e outras crianças com deficiências físicas puderam frequentar as escolas públicas de Massachusetts. 
Mas como Rick se comunicaria se não conseguia falar? Para superar esse obstáculo assustador, Dick e Judy Hoyt trabalharam com o Dr. William Crochetiere, e com o presidente do departamento de engenharia da Universidade de Tufts, bem como vários alunos empreendedores, incluindo Rick Foulds, na criação do dispositivo de Comunicação Interativa da Universidade de Tufts. Entre os aparatos domésticos da família Hoyt, ele ficou conhecido como a “Máquina da Esperança”, pois faria com que Rick pudesse criar frases pressionando a cabeça contra uma barra de metal. Pela primeira vez na vida, Rick conseguiu se comunicar. 
Então, um dia, Rick pediu a seu pai para participar de uma corrida beneficente, mas havia um porém, Rick também queria correr. Dick nunca havia participado de uma corrida antes, mas o maior desafio estava no fato de ter de empurrar a cadeira de rodas de seu filho ao mesmo tempo. Contudo, uma vez mais, a família Hoyt estava determinada a superar qualquer obstáculo que pudesse impedir sua caminhada. 
Agora, depois de mais de 1.000 corridas, incluindo inúmeras maratonas e triatlos, Dick Hoyt continua a empurrar a cadeira de rodas de Rick. Conhecidos em todo o mundo e carinhosamente chamados de a Equipe Hoyt, permanecem cada vez mais dedicados, inspirando milhões e incorporando em todo o seu lema e marca registrada: “Yes, you can!” (Sim, você pode!)

Em breve resenha, galera! Fique ligado aqui no blog!

3 comentários:

  1. Oi Israel,

    Nossa, parece ser um livro emocionante cheio de superação. É totalmente diferente dos livros publicados pela Editora e achei isso bem bacana :) Quero ler com certeza!

    Mil Bjs

    ResponderExcluir
  2. como vc disse, não é um gênero que seje muito lido, mas a sinopse me chamou bastante a atenção. livros assim de superação são ótimos, porque nos fazem pensar bastante.

    principalmente quando reclamamos de algo que não temos e tipo esse cara aí é que realmente deveria reclamar, sabe ):

    ResponderExcluir
  3. Ja vi sobre esse pai e seu filho na TV, e achei lindo o amor dele pelo filho, o livro deve ser muito bom, beijos.

    ResponderExcluir